Quaresma com Santo Agostinho, terça-feira

Publicado em

Quarta semana da Quaresma: Cristo, Luz do Mundo.
“Senhor, ouve a minha voz. 
Eu choro, tem misericórdia de mim! Responda-me.” (Salmo 26, 7)

INTRODUÇÃO

Deus é o Pai de misericórdia, com os olhos fixos no horizonte esperando o retorno do pecador; está pronto para recebê-lo. A este respeito, é reconfortante para a profecia de Isaías (1, 18): ainda que os vossos pecados sejam como a escarlata, eles se tornarão brancos como a neve. Ainda que sejam vermelhos como o carmesim, se tornarão como a lã. Mas Deus não faz violência ao pecador, não impõe a salvação: espera que há sempre um movimento de retorno, um primeiro passo para a conversão do homem, que é realizado pela escuta e obediência à Sua Palavra. (Isaías 1, 19)

Dos discursos de Santo Agostinho, Bispo (Sermo 135, 5,6-6,7)
Deus ouve e atende os pecadores que reconhecem estes

Nas palavras de um homem que era cego há algo capaz de perturbar e talvez levar a perder a esperança de que pretendem o verdadeiro significado. Esse mesmo homem cujos olhos foram abertos, entre outras expressões, chegou a afirmar: Nós sabemos que Deus não ouve a pecadores (João 9, 31). Nós fazemos, se Deus não escuta os pecadores? Nós temos a coragem de suplicar a Deus, se não ouvir os pecadores? Dê-me um a orar e aqui há aqueles que podem cumprir. […] Dá-me que publicano. Vem, e pergunte-se no meio, significa “ver sua esperança, porque os fracos não cessam de esperar. Isso porque o publicano e o fariseu em ascensão para rezar com ele; e de cabeça para baixo, mantendo distância e batendo no peito, dizendo: Senhor, tem piedade de mim, que sou um pecador. E foi embora perdoado, ao contrário do fariseu (Lucas 18, 10 e ss). O que ele disse: Tende piedade de mim, pecador, disse que a verdadeira ou falsa? Se você disse a verdade, ele era um pecador; e foi ouvido e foi perdoado. O que significa isso, então o que você disse depois que o Senhor abriu os olhos: Nós sabemos que Deus não ouve os pecadores? Aqui, Deus ouve os pecadores. Lava, no entanto, a sua face interna, que atua no íntimo o que teve o cuidado de fazer a sua aparência, e você vai perceber que Deus ouve os pecadores. Será que ele enganou o passeio de sua mente. Há mais que o Senhor trabalhe em você. Sem dúvida que [cego] saiu da sinagoga; o Senhor aprendeu, reuniu-se e disse: Você acredita no Filho de Deus? E que: Quem é ele, Senhor, para que eu creia nele? Ele olhou e não viu: observava com os olhos, mas com a mente ainda não é discernido. O Senhor disse: Viste, e aquele que fala com você é ele. Em seguida, ele caiu, e adorou-o (Jo 9, 35-38). Foi então que enxugou a face interna.

Vire então à oração, pecadores! Confesse seus pecados, alegam que pode ser removido, imploro que você termine, você só desviou-os violando, entretanto, que você progride. No entanto, não cessam de esperar e, como pecadores, rezem. Quem é que não tenha cometido um pecado? Obter e considerar aos sacerdotes: Vocês oferecem primeiro sacrifícios pelos seus pecados, e depois pelos do povo (Lv 16, 6). Os sacrifícios eram provas de acusações contra sacerdotes; de modo que se um homem foi declarado justo e sem pecado, poderia ser aplicado contra ele: Eu não me importo com o que você está dizendo, mas o que você tem a oferecer; você descobre que a vítima em seu nome. Por que você tem a oferecer para os seus pecados, se você está imune de todo o pecado? Ou talvez a pretensão de Deus em sacrifício para ele? Mas pode ser que eles eram pecadores, os sacerdotes dos povos antigos que não são pecadores e os do povo novamente. É verdade, irmãos, porque Deus quis ter seu próprio sacerdote a ele, eu sou um pecador, eu luto com você no peito, com você eu peço perdão, com você eu espero que Deus seja benevolente. Mas talvez os santos apóstolos, os mais altos carneiros do rebanho, os pastores membros da Primazia, na verdade, eles provavelmente não tinha pecado. Realmente tinha, eles também tiveram; não, porque eles confessavam-se. Para mim, eu não teria a audácia. Primeiro de tudo, é “para ouvir o Senhor mesmo, abordando os Apóstolos: Orai assim. Como sobre aqueles sacerdotes deram prova através dos sacrifícios, também para eles através da oração. Orai assim. E entre as outras petições que ordenou que você fez, mesmo deu este: Perdoa-nos as nossas dívidas, assim como nós perdoamos aos nossos devedores (Mt 6, 9,12). Eles dizem e os Apóstolos? Eles se perguntam todos os dias para a remissão de dívidas. Levanta-te os devedores, afastam-se perdoado e eles voltam para a oração de devedores. Esta vida não está imune do pecado, de modo que muitas vezes oramos, como muitas vezes eles são pecados perdoados.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s