Cristo é a verdadeira luz – Desde o ” Comentário ao Evangelho de João” de Santo Agostinho ( In Io. Ev. Tr. 2, 5-8)

Publicado em Atualizado em

Terça-feira – 24 de dezembro

“Ele virá para nos visitar de um sol nascente
para dirigir os nossos passos no caminho da paz”.
(Lc 1, 78-79)

Image

Desde o ” Comentário ao Evangelho de João” de Santo Agostinho, Bispo ( In Io. Ev. Tr. 2, 5-8)

Cristo é a verdadeira luz

Havia um homem. E como poderia este homem dizer a verdade a falar de Deus? Ele foi enviado por Deus, o que era o seu nome? Seu nome era João. Com que finalidade foi ele? Ele veio como testemunha, para dar testemunho da luz, para que todos cressem por meio dele (João 1, 7). Por que, então, vem? Para dar testemunho da luz. Por que foi necessário para testemunhar isso? De modo que por meio dele todos os homens cressem. E em que a luz que veio para dar testemunho? Havia a verdadeira luz. Porque o evangelista acrescenta verdade? Por que é o homem que pode ser chamado de luz estiver acesa, mas a verdadeira luz que ilumina você?

Ele veio para o resgate dos corações fracos de espírito, feridos, para curar a visão doente da alma. Para isso foi. (…) Se o homem não tivesse se afastado de Deus, ele não precisa ser esclarecido: ele tinha que ser, porque ele estava sempre longe de quem poderia esclarecê-lo.

Mas, então, quando ele veio, onde ele estava? Neste mundo que era. Houve e veio: não havia como Deus, veio como homem, porque, embora aqui, como Deus, não podia ser visto pelos tolos, cegos, pela iníqua. Os ímpios serão lançados nas trevas das quais foi dito: A luz brilha nas trevas, mas as trevas não a compreenderam. Eis que ele está aqui até agora, foi e sempre será: nunca se afasta do nada. Para que você possa ver o homem que nunca se afastou de você, é necessário que você não precisa nem se afastar aqueles que estão presentes em todos os lugares: nunca deixe e não será abandonado. Tente não cair para você e a luz nunca vai se apagar. Se você cair, ele vai para baixo para você, mas se você ficar de pé, ele está na frente de vocês. Você, no entanto, não estão de pé esquerdo: lembre-se de onde caíste, a partir de que altura você precipitar que caiu antes de você. Será que ele cair, não pela força ou pela persuasão, mas com o seu consentimento. Na verdade, se você não tivesse permitido o mal, você ficaria de pé, você ainda estaria na luz. Mas agora, desde que você tenha caído e sois feridos para o coração, o que por si só é capaz de ver que a luz, veio a você como você pode ver.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s